Blog Clínica SiM | Clínica Popular em Fortaleza

Dia dos namorados: 6 motivos que provam que namorar faz bem à saúde.

dia dos namorados

Dia 12 de Junho, o dia dos namorados está chegando e com ele a necessidade de valorizar a pessoa que está ao seu lado. Valorize-a mesmo, pois além de trazer afeto e alegria ao seu dia a dia. Estudos comprovam que namorar faz bem a saúde, prevenindo doenças e ajudando a recuperação de outras.

Amar alguém, ou até mesmo a sensação de se sentir apaixonado traz inúmeros benefícios, não só psicológicos, mas também físicos. Segundo psicólogos, quando estamos felizes, nosso cérebro funciona como se estivesse sob o efeito de uma droga – ficamos felizes, nos sentimos mais dispostos.

Esse sentimento proporciona que o sistema imunológico se fortaleça e evite diversos tipos de doenças. Ao mesmo tempo em que o amor funciona como uma droga viciante, também funciona como remédio. Portanto os relacionamentos afetivos podem se tornar um fator de condição para a nossa saúde.

Observe os efeitos que os sentimentos afetivos exercem sobre você, como em nosso corpo tudo está conectado, um bom relacionamento trará reflexos bons ao organismo, assim como um relacionamento ruim pode trazer diversos conflitos à mente e corpo.

Conheças os motivos que o farão querer estar acompanhado no dia dos namorados.

Para quem vai passar o dia dos namorados sem estar oficialmente namorando, não se preocupem, médicos relatam que tanto o namorar quanto o ficar possui suas vantagens sob o corpo. Mas é um consenso geral que nada é tão confortável e prazeroso como ter alguém com quem sempre contar.

Conheça o que o amor poderá fazer por você e por sua saúde além de presenteá-lo no dia dos namorados.

  • Oxitocina, o hormônio do amor.

Quando estamos perto da pessoa amada, nosso corpo é capaz de liberar oxitocina. Quando esse tipo de hormônio é liberado, os níveis de hormônio que causam estresse (cortisol) diminuem drasticamente.

 

Esse tipo de hormônio provoca a sensação de bem estar e felicidade entre o casal, além de estimular a sensação de segurança e fidelidade. Portanto, aproveite o dia dos namorados e deixe seu corpo liberar toda oxitocina possível!

 

  • Diminua os riscos de depressão.

Estar namorando provoca mudanças na rotina e no pensamento. Quando um relacionamento tem inicio a pessoa sempre irá procurar manter uma boa aparência, comer melhor para manter-se dentro do peso e a tendência é ver o mundo de uma forma mais positiva e ampla.

 

Portanto, os níveis de ansiedade caiem e os riscos á doenças como depressão diminuem, graças a toda essa química do amor que acontece no cérebro e organismo.

 

  • O abraço, aliado da pressão.

Um gesto simples entre pessoas que se amam, podem causar uma  sensação tão boa e prazerosa que ajudam a estabilizar a pressão arterial em níveis considerados saudáveis, sem a necessidade de ingerir medicamentos.

 

É comum depois de um forte e longo abraço nos sentirmos mais fortes, confiantes e seguros, pois estamos calmos e com a pressão controlada.

 

  • O sexo ajuda a perder peso.

Você imaginaria que o sexo além de ser uma atividade que proporciona relaxamento, prazer e melhoria do humor pode ser considerado como uma atividade física? Já foi comprovado que a atividade sexual com regularidade pode proporcionar a perda de calorias.

 

Cerca de 10 minutos de relação sexual, equivalem a menos 100 calorias, se compararmos seria o mesmo que subir correndo três andares de escadas. Queimar algumas calorias pode ser uma boa alternativa para o dia dos namorados.

 

  • O amor realmente faz bem ao coração.

Médicos cardiologistas já confirmaram que uma vida amorosa tranquila e estável contribui de forma significativa para a saúde do coração. Pessoas felizes e positivas possuem menor risco de mortalidade cardiovascular.

 

Além disso, pessoas contagiadas pela química do amor, possuem maior capacidade de adquirir hábitos saudáveis, inclusive há uma diminuição dos biomarcadores inflamatórios.

 

  • Beijar diminui os sintomas de alergias.

Segundo os médicos, beijar além de ser um ato prazeroso e de demonstração de afeto, pode ser um remédio e tanto. Segundo um estudo, casais que se beijaram por cerca de 30 minutos apresentaram menores índices da substância IgE específica.

 

Essa substância é uma proteína responsável por desencadear sintomas de alergias, como espirros e coriza. Além disso, beijar também pode aumentar a imunidade, reduzir a placa bacteriana dos dentes, emagrecer e evitar o estresse.

 

Um relacionamento conturbado e abusivo terá o efeito oposto.

 

Assim como relacionamentos estáveis e tranquilos fazem bem ao seu corpo e mente, relacionamentos tóxicos produzem o efeito contrário. O comum ditado popular “antes só do que mal acompanhado” foi comprovado pela ciência, um relacionamento ruim pode trazer doenças cardíacas e complicações.

 

Casais que vivem discutindo possui maiores chances de desenvolver doenças relacionadas ao coração, pressão arterial, depressão, obesidade e diabetes. Portanto se for para adquirir um pacote de doenças junto com o relacionamento, o recomendado é continuar só.

 

Sobre tudo essas doenças sobressaem mais nas mulheres, que já possuem a característica inata de internalizar mais os sentimentos ruins do que os homens.

 

Uma relação tóxica é aquela que fere uma ou ambas as partes, causando sofrimentos e transtornos físicos e psicológicos. Portanto é necessário reconhecer um relacionamento abusivo e se libertar, evitando que o estresse gere manifestações físicas.

 

Portanto, já está mais que comprovado pela ciência e por nossas próprias experiências, como os sentimentos manifestos em um relacionamento amoroso podem influenciar nosso estado mental, psíquico e físico. Como já dizia o poeta Guimarães Rosa, “… qualquer amor já um pouquinho de saúde…”.

 

Claro que todo bom relacionamento tem seus momentos de conflito, mas é necessário sensibilidade para identificar quando esses conflitos possuem um caráter permanente e quando são apenas aprendizados da relação. Um relacionamento saudável deve proporcionar paz e prazer.

 

Valorize o bem que seu parceiro faz a você não só nesse 12 de junho, mas todos os dias. Proporcione uma rotina tranquila, prazerosa e saudável aos dois.

 

Portanto, nesse dia dos namorados, faça bem a sua saúde! Namore, beije, abrace, sorria. Permita que todos os bons sentimentos liberem os hormônios que fazem a química do amor acontecer

Gostou? Compartilhe!
Sobre o autor:

Deixe seu comentário